Submissão de Propostas

O Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais – CONLAB e o Congresso da Associação Internacional de Ciências Sociais E Humanas de Língua Portuguesa – AILP-CSH tem como objetivo constituir-se em espaço de divulgação, de circulação e de promoção da produção científica dos pesquisadores/asdas áreas de Ciências Sociais e Humanas na perspectiva do diálogo entre os pesquisadores dos países de língua portuguesa no continente africano, americano e europeu, comprometidos com o diálogo sul-sul nos espaços sociais, especialmente na produção acadêmica com interlocução com a sociedade.

Tem como público alvo, pesquisadores/as em diferentes níveis da formação científica (graduação/licenciatura, mestrado, doutorado, pós-doutorado), bem como nas diferentes modalidades de atuação (professores/as universitários/as, investigadores em diferentes níveis da carreira, professores/as e demais profissionais da educação básica, pesquisadores/as independentes, etc).

Convocamos todos os investigadores das Ciências Sociais e Humanas dos países de língua portuguesa, bem como, aqueles que tem como objeto de estudo temáticas correlatas, a participarem do congresso por meio das seguintes atividades. 

 

I – COORDENADOR DE SEÇÃO TEMÁTICA DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHO.

As Sessões Temáticas são espaços na programação do Congresso destinados à apresentação e discussão de pesquisas concluídas, ou em estágio avançado de desenvolvimento. Reúne investigadores(as) nos diferentes novéis e modalidades da carreira científica.

O Congresso possui 41 Seções Temáticas pré-estabelecidas que poderão ser coordenadas por até três investigadores(as) doutorados(as) vinculados a instituições diferentes, preferencialmente de países  diferentes, que terão a incumbência de avaliar e selecionar as comunicações inscritas na respectiva Sessão Temática e definir a sua programação, sempre com o objetivo de garantir ampla participação e tempo necessário para as apresentações, discussão e aprofundamento das questões suscitadas. Em cada Sessão Temática, serão aceitas no máximo 40 propostas, sendo que, para ser efetivada a sessão deverá ter no mínimo 20 trabalhos inscritos (exceções poderão ser avaliadas). Cada apresentação terá 10 minutos para apresentação e 5 minutos para debate ao final de cada subseção.

 

II – MESAS-REDONDAS

As mesas-redondas são espaços de debate de grandes temas nacionais vinculados às principais demandas que permeiam os objetos de estudos e pesquisas dos/as pesquisadores/asnegros/as e da ABPN, de forma particular, mas não exclusivamente, as temáticas vinculadas aos estudos africanos e da Diáspora negra, bem como, e aquelas às quais têm se dedicado os/as pesquisadores/as negros/as nas diferentes áreas do conhecimento.

As mesas-redondas, com duração de duas horas cada seção, serão distribuídas ao longo dos cinco dias do Congresso, e serão coordenadas por um sócio da AILP-CSH com titulação de Doutor e destacada produção científica, que poderá convidar até quatro expositores, todos doutorados, sócios da AILP-CSH, estudiosos da temática que envolve a proposta.

No Congresso está prevista a organização de até 30 mesas-redondas vinculadas à programação geral do evento. As mesas-redondas serão aprovadas levando em conta sua relevância para a programação geral do evento, diversidade regional, de vínculo e de nacionalidade dos participantes bem como a atuação do/a proponente e convidados/as na área temática da proposta.

 

III – WORKSHOPS PRÉ-CONGRESSO.

Os workshops pré-congresso são espaços de atualização, aprofundamento e disseminação de teorias, metodologias e práticas pedagógicas inovadoras com duração de oito horas aulas organizada em uma única seção no dia 29/07/2018, destinados, especialmente, para os/as estudantes, professores e investigadores nas diferentes fazes de desenvolvimento da carreira científica. Serão ministrados por intelectuais e pensadores de renome internacional convidados pela organização do evento.

 

IV – COMUNICAÇÃO DE PESQUISA  E INVESTIGAÇÃO EM SEÇÃO TEMÁTICA

Para apresentação de proposta de comunicação de investigação no Congresso o proponente deverá ser sócios quite com a anuidade 2018 da AILP-SCH e se inscrever no site do evento no endereço:WWW.conlab2018.eventos.dype.com.br.

Cada inscrito/a poderá submeter no máximo 1 (uma) proposta de trabalho, seja na qualidade de autor/a e/ou coautor/a, por meio da escolha de até três Seções Temáticas. Cada proposta poderá ter no máximo 3 autores/as (todos inscritos no evento) – para os/as estudantes de graduação/licenciatura o orientador/supervisor do trabalho quando houver, deverá figurar também como autor(a).

Ao acessar o formulário de inscrição na modalidade comunicação em seção temática, serão visualizadas asseguintes caixas de textos: uma para a inclusão do título do trabalho, outra para inclusão do resumo expandido, e mais uma para inclusão da seção temática (até 3 opções). Haverá ainda um campo para inserção do texto completo, bem como, os códigos de inscrição dos co-autores (inclusive o/a orientador/a se houver), motivo pelos quais todos os autores deverão estar inscritos.

A proposta deverá ser submetida por meio da inscrição de um resumo expandido com no mínimo 2200 e máximo de 2.800 caracteres, e de forma opcional, o envio do texto completo que poderá ser inserido por meio de arquivo anexo no ato da inscrição ou posteriormente, para publicação nos Anais do Congresso.

A avaliação e o aceite dos trabalhos apresentados são da responsabilidade da Comissão Científica do Congresso,  assessorada por um comitê de consultores ad hoc internacional.